Revista Brasileira de Epidemiologia – suplemento 1 – maio 2017

O estudo Global Burden of Disease (GBD), inicialmente coordenado pela Organização Mundial de Saúde (OMS), e, desde 2007, pelo Instituto de Métricas e Avaliação em Saúde (Institute of Health Metrics and Evaluation – IHME) da Universidade de Washington, Estados Unidos, representa um esforço científico sistemático para quantificar a magnitude comparativa da perda de saúde decorrente de doenças, lesões e fatores de risco, por idade e sexo, e para pontos específicos no tempo.

Em 2014, o Ministério da Saúde (MS), por meio da Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS/MS), estabeleceu uma parceria com a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e o IHME para apoio as analises do estudo “Carga Global de Doenças do Brasil”, produzindo pela primeira vez estimativas para o Brasil e suas 27 unidades federadas. O projeto, denominado GBD Brasil 2015, construiu uma rede de colaboradores com a participação de pesquisadores brasileiros e técnicos do MS, que apoiaram as analises da carga da doença no país e nos estados, dados estes que são agora apresentados no suplemento temático da Revista Brasileira de Epidemiologia – RBE.

Os artigos dessa edição da RBE são inéditos e resultam dos esforços de estimar e analisar a carga a doença no Brasil e nos estados, nos seus diferentes aspectos, fazendo uso das métricas de saúde relativas a carga da doença, como os anos potenciais de vida perdidos (YLL), anos de vida saudáveis perdidos (DALY), entre outros.

Os artigos incluem uma apresentação da metodologia do estudo GBD em português, analisam a qualidade da informação de mortalidade disponível, desenvolvem análises sobre importantes causas de morte no Brasil, morbidade, incapacidade/limitações, fatores de risco e a perda da saúde devido a várias causas, tanto devido a doenças quanto a fatores de risco.

Ao apresentarem estes resultados sobre a ocorrência de doenças, incapacidades e mortes na população brasileira, a RBE e ou autores esperam que, ao usar os dados, os gestores e trabalhadores em saúde possam tornar visível o problema de saúde e os resultados das políticas de saúde, apoiando a tomada de decisão.

Acesse aqui a Revista Brasileira de Epidemiologia
Rev. bras. epidemiol. vol.20 supl.1 São Paulo – maio 2017

Sumário
Editorial

  • Carga da doença e análise da situação de saúde: resultados da rede de trabalho do Global Burden of Disease (GBD) Brasil – Maria de Fatima Marinho de Souza; Elisabeth Barboza França; Adeilson Cavalcante

Artigo Especial

  • Estudo de carga global de doença 2015: resumo dos métodos utilizados

Artigos Originais

  • Estimativas do grau de cobertura e da mortalidade adulta (45q15) para as unidades da federação no Brasil entre 1980 e 2010 – Bernardo Lanza Queiroz; Flávio Henrique Miranda de Araujo Freire; Marcos Roberto Gonzaga; Everton Emanuel Campos de Lima
  • Qualidade da informação das estatísticas de mortalidade: códigos garbage declarados como causas de morte em Belo Horizonte, 2011-2013 – Lenice Harumi Ishitani; Renato Azeredo Teixeira; Daisy Maria Xavier Abreu; Lucia Maria Miana Mattos Paixão; Elisabeth Barboza França
  • Principais causas da mortalidade na infância no Brasil, em 1990 e 2015: estimativas do estudo de Carga Global de Doença – Elisabeth Barboza França; Sônia Lansky; Maria Albertina Santiago Rego; Deborah Carvalho Malta; Julia Santiago França; Renato Teixeira; Denise Porto; Marcia Furquim de Almeida; Maria de Fatima Marinho de Souza; Célia Landman Szwarcwald; Meghan Mooney; Mohsen Naghavi; Ana Maria Nogales Vasconcelos
  • Mortalidade por cirrose, câncer hepático e transtornos devidos ao uso de álcool: Carga Global de Doenças no Brasil, 1990 e 2015 – Ana Paula Souto Melo; Elisabeth Barboza França; Deborah Carvalho Malta; Leila Posenato Garcia; Meghan Mooney; Mohsen Naghavi
  • Mortalidade e incapacidade por doenças relacionadas à exposição ao tabaco no Brasil, 1990 a 2015 – Bruno Piassi de São José; Ricardo de Amorim Corrêa; Deborah Carvalho Malta; Valéria Maria de Azeredo Passos; Elisabeth Barboza França; Renato Azeredo Teixeira; Paulo Augusto Moreira Camargos
  • A carga de doença devido ao diabetes e à hiperglicemia no Brasil e seus estados: achados do Global Burden of Disease Study 2015 – Bruce Bartholow Duncan; Elisabeth Barboza França; Valéria Maria de Azeredo Passos; Ewerton Cousin; Lenice Harumi Ishitani; Deborah Carvalho Malta; Meghan Mooney; Mohsen Naghavi; Maria Inês Schmidt
  • Magnitude e variação da carga da mortalidade por câncer no Brasil e Unidades da Federação, 1990 e 2015 – Maximiliano Ribeiro Guerra; Maria Teresa Bustamante-Teixeira; Camila Soares Lima Corrêa; Daisy Maria Xavier de Abreu; Maria Paula Curado; Meghan Mooney; Mohsen Naghavi; Renato Teixeira; Elisabeth Barboza França; Deborah Carvalho Malta
  • Variações e diferenciais da mortalidade por doença cardiovascular no Brasil e em seus estados, em 1990 e 2015: estimativas do Estudo Carga Global de Doença – Luisa Campos Caldeira Brant; Bruno Ramos Nascimento; Valéria Maria Azeredo Passos; Bruce Bartholow Duncan; Isabela Judith Martins Bensenõr; Deborah Carvalho Malta; Maria de Fatima Marinho de Souza; Lenice Harumi Ishitani; Elizabeth França; Mateus S. Oliveira,Meghan Mooney; Mohsen Naghavi; Gregory Roth; Antonio Luiz Pinho Ribeiro
  • Doença cerebrovascular no Brasil de 1990 a 2015: Global Burden of Disease 2015 – Paulo Andrade Lotufo; Alessandra Carvalho Goulart; Valéria Maria de Azeredo Passos; Fabio Mitsuhiro Satake; Maria de Fátima Marinho de Souza; Elizabeth Barbosa França; Antônio Luiz Pinho Ribeiro; Isabela Judith Martins Bensenõr
  • Mortalidade e anos de vida perdidos por violências interpessoais e autoprovocadas no Brasil e Estados: análise das estimativas do Estudo Carga Global de Doença, 1990 e 2015 – Deborah Carvalho Malta; Maria Cecília de Souza Minayo; Adauto Martins Soares Filho; Marta Maria Alves da Silva; Marli de Mesquita Silva Montenegro; Roberto Marini Ladeira; Otaliba Libanio de Morais Neto; Ana Paula Melo; Meghan Mooney; Mohsen Naghavi
  • Acidentes de transporte terrestre: estudo Carga Global de Doenças, Brasil e unidades federadas, 1990 e 2015 – Roberto Marini Ladeira; Deborah Carvalho Malta; Otaliba Libânio de Morais Neto; Marli de Mesquita Silva Montenegro; Adauto Martins Soares Filho; Cíntia Honório Vasconcelos; Meghan Mooney; Mohsen Naghavi
  • Carga de doença por infecções do trato respiratório inferior no Brasil, 1990 a 2015: estimativas do estudo Global Burden of Disease 2015 – Ricardo de Amorim Corrêa; Bruno Piassi de São José; Deborah Carvalho Malta; Valéria Maria de Azeredo Passos; Elisabeth Barboza França; Renato Azeredo Teixeira; Paulo Augusto Moreira Camargos
  • Mortalidade por HIV/Aids no Brasil, 2000-2015: motivos para preocupação? – Mark Drew Crosland Guimarães; Mariângela Carneiro; Daisy Maria Xavier de Abreu; Elisabeth Barboza França
  • A carga dos transtornos mentais e decorrentes do uso de substâncias psicoativas no Brasil: Estudo de Carga Global de Doença, 1990 e 2015 – Cecília Silva Costa Bonadiman; Valéria Maria de Azeredo Passos; Meghan Mooney; Mohsen Naghavi; Ana Paula Souto Melo
  • Aumento da carga de dengue no Brasil e unidades federadas, 2000 e 2015: análise do Global Burden of Disease Study 2015 – Valdelaine Etelvina Miranda de Araújo; Juliana Maria Trindade Bezerra; Frederico Figueiredo Amâncio; Valéria Maria de Azeredo Passos; Mariângela Carneiro
  • Fatores de risco relacionados à carga global de doença do Brasil e Unidades Federadas, 2015 – Deborah Carvalho Malta; Mariana Santos Felisbino-Mendes; Ísis Eloah Machado; Valéria Maria de Azeredo Passos; Daisy Maria Xavier de Abreu; Lenice Harumi Ishitani; Gustavo Velásquez-Meléndez; Mariangela Carneiro; Meghan Mooney; Mohsen Naghavi

Comments

comments