Ciência & Saúde Coletiva – Janeiro 2017

É bastante conhecida a dificuldade que os médicos têm de utilizar o método qualitativo em seus estudos: há pouca valorização ou mesmo incompreensão da filosofia e das propostas desse tipo de abordagem. São raros os periódicos da área que publicam trabalhos de cunho compreensivo.

Os poucos profissionais de saúde que trabalham com o método costumam ser criticados pela superficialidade com que abordam a realidade social e por sua incapacidade de debater dados empíricos e aplicar a teoria de forma consistente e aprofundada. É uma pena que isso aconteça porque a recusa de aprofundar o tema reflete, frequentemente, a visão de uma falsa objetividade na relação médico-paciente que, na verdade, é essencialmente intersubjetiva. É justamente a perspectiva qualitativa que permite a aproximação do médico com um conjunto de valores, crenças, representações, relações, atitudes, comportamentos e práticas que perpassam suas relações com os pacientes.

Os estudos qualitativos permitem a desconstrução da dicotomia entre objetividade e subjetividade, evidenciando que a vida, o sofrimento, a dor e a morte dos seres humanos não são apenas fenômenos biológicos, mas ao contrário, são construções histórico-culturais carregadas de simbolismos e significados. Neste número temático da revista Ciência & Saúde Coletiva todos os artigos são resultantes de investigações qualitativas conduzidas por equipes que incluem médicos. A participação desses profissionais nos grupos de pesquisa pode contribuir para a redução da distância entre os pressupostos da Saúde Coletiva e da prática clínica.

Acesse a edição completa na base portal SciELO

Importância da Pesquisa Qualitativa para a prática médica – Revista Ciência & Saúde Coletiva – Vol 22 Nº1

Editorial
Pesquisa qualitativa em medicina

 

Debate

1. Balizas do conhecimento: análise das instruções aos autores das revistas brasileiras da área de saúde – Stella Regina Taquette; Wilza Vieira Villela

Debatedores

Diálogo entre editores científicos em saúde e cientistas que produzem estudos qualitativos – Ivan França-Junior

Cientificidade, generalização e divulgação de estudos qualitativos – Maria Cecília de Souza Minayo

A ciência ou ciências? Encruzilhada para diálogos interdisciplinares – Lilia Blima Schraiber

Os autores respondem –  Stella Regina Taquette; Wilza Villela


Artigos temáticos

2. Percepção de pacientes com AIDS diagnosticada na adolescência sobre o aconselhamento pré e pós-teste HIV realizado – Stella Regina Taquette; Adriana de Oliveira Rodrigues; Lívia Rocha Bortolotti

3. À margem: uso de crack, desvio, criminalização e exclusão social – uma revisão narrativa – Lidiane Toledo; Andrés Góngora; Francisco Inácio P. M. Bastos

4. A breve vida do Norplant® no Brasil: controvérsias e reagregações entre ciência, sociedade e Estado – Ana Cristina de Lima Pimentel; Cláudia Bonan Jannotti; Paula Gaudenzi; Luiz Antonio da Silva Teixeira

5. Relações entre oncohematopediatras, mães e crianças na comunicação de notícias difíceis – Selene Beviláqua Chaves Afonso; Maria Cecília de Souza Minayo

6. Fatores associados à Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica em idosos – Ana Teresa Fernandes Barbosa; Jair Almeida Carneiro; Gizele Carmen Fagundes Ramos; Maísa Tavares Leite; Antônio Prates Caldeira

7. Experiências de mulheres ansiosas e deprimidas sobre sofrimento emocional e busca de cuidado em uma favela do Rio de Janeiro – Karen Athié; Christopher Dowrick; Alice Lopes do Amaral Menezes; Luanda Cruz; Ana Cristina Lima; Pedro Gabriel Godinho Delgado; Cesar Favoretto; Sandra Fortes

8. Trajetórias de mulheres vivendo com HIV/aids no Brasil. Avanços e permanências da resposta à epidemia – Wilza Vieira Villela; Regina Maria Barbosa

9. Semelhanças e contrastes nos padrões de uso de crack em Santa Catarina, Brasil: capital vs Meio Oeste – Maria Terezinha Zeferino; Vivian Costa Fermo; Marcelo Brandt Fialho; Francisco Inácio Bastos

10. Absorção e metabolização dos hormônios sexuais e sua transformação em tecnologias contraceptivas: percursos do pensamento médico no Brasil – Claudia Bonan; Luiz Antonio Teixeira; Andreza Rodrigues Nakano


Artigo de opinião

11. Feminicídios em grupos étnicos e racializados: síntese Stela Nazareth Meneghel; Betty Ruth Lozano Lerma


Artigos de revisão

12. Qualidade de vida de cuidadores familiares de adultos com lesão medular: uma revisão sistemática – Cejane Oliveira Martins Prudente; Maysa Ferreira Martins Ribeiro; Celmo Celeno Porto

13. Risk factors of breast cancer and knowledge about the disease: an integrative revision of Latin American studies – Aline Ferreira de Araújo Jerônimo; Ângela Gabrielly Quirino Freitas; Mathias Weller


Artigos de temas livres

14. Estudo comparativo da satisfação de usuários e profissionais da saúde com o serviço público odontológico – Danielle Bordin; Cristina Berger Fadel; Suzely Adas Saliba Moimaz; Cléa Adas Saliba Garbin; Nemre Adas Saliba

15. Estudo comparativo de mortalidade por doenças cardiovasculares em São Caetano do Sul (SP), Brasil, no período de 1980 a 2010 – Fernanda Eugenio da Luz; Brigitte Rieckmann Martins dos Santos; Wilson Sabino

16. Acidentes de trabalho autorreferidos pela população adulta brasileira, segundo dados da Pesquisa Nacional de Saúde, 2013 – Deborah Carvalho Malta; Sheila Rizzato Stopa; Marta Maria Alves da Silva; Célia Landmann Szwarcwald; Marco da Silveira Franco; Flavia Vinhaes Santos; Elaine Leandro Machado; Carlos Minayo Gómez

17. Cobertura de Planos de Saúde na população brasileira, segundo a Pesquisa Nacional de Saúde, 2013 – Deborah Carvalho Malta; Sheila Rizzato Stopa; Cimar Azeredo Pereira; Célia Landmann Szwarcwald; Martha Oliveira; Arthur Chioro dos Reis

18. Cárie dentária em crianças de 5 anos: fatores sociodemográficos, lócus de controle e atitudes parentais – Vinícius Humberto Nunes; Gimol Benzaquen Perosa

19. Saúde Bucal na Ação Programática da Criança: indicadores e metas de um Serviço de Atenção Primária à Saúde – Anna Schwendler; Daniel Demétrio Faustino-Silva; Cristianne Famer Rocha

20. O processo de conformação do perfil assistencial nos hospitais federais da cidade do Rio de Janeiro, Brasil – Luciane Binsfeld; Francisco Javier Uribe Rivera; Elizabeth Artmann

21. Avaliação econômica dos Programas Rede Farmácia de Minas do SUS versus Farmácia Popular do Brasil – Marina Morgado Garcia; Augusto Afonso Guerra Júnior; Francisco de Assis Acúrcio

22. A contribuição do farmacêutico para a promoção do acesso e uso racional de medicamentos essenciais no SUS – Daniela Oliveira de Melo; Lia Lusitana Cardozo de Castro

23. Distribuição espacial de queimadas e mortalidade em idosos em região da Amazônia Brasileira, 2001 – 2012 – Valdir Soares de Andrade Filho; Paulo Eduardo Artaxo Netto; Sandra de Souza Hacon; Cleber Nascimento do Carmo

24. Recruitment rate and retention of stroke subjects in cross-sectional studies – Janaine Cunha Polese; Iza de Faria-Fortini; Marluce Lopes Basílio; Giselle Silva e Faria; Luci Fuscaldi Teixeira-Salmela

25. Capacitação e intervenções de técnicos de farmácia na dispensação de medicamentos em Atenção Primária à Saúde – Daniela Oliveira de Melo; Caroline Godoi Rezende da Costa Molino; Eliane Ribeiro; Nicolina Silvana Romano-Lieber

26. Suicidio en estudiantes universitarios en Bogotá, 2004-2014 – Saúl Alonso Franco; Martha Lucia Gutiérrez; Julián Sarmiento; Decsy Cuspoca; Javier Tatis; Alejandro Castillejo; Miguel Barrios; Magnolia del Pilar Ballesteros-Cabrera; Sara Zamora; Carlos Iván Rodríguez

27. Prevalência e fatores associados à utilização de serviços públicos de saúde por homens adultos – Guilherme Oliveira de Arruda; Thais Aidar de Freitas Mathias; Sonia Silva Marcon

28. Percepções sobre a saúde dos homens numa perspectiva relacional de gênero, Brasil, 2014 – Erly Catarina de Moura; Romeu Gomes; Georgia Martins Carvalho Pereira

29. Acupuntura no Sistema Único de Saúde – uma análise nos diferentes instrumentos de gestão – Leandra Andréia de Sousa; Maria José Bistafa Pereira; Nelson Filice de Barros; Jéssica de Oliveira Pigari; Glaucia Tamburú Braghetto; Luciana Brondi Karpiuck

30. Capacitação de profissionais de saúde em aleitamento materno e sua associação com conhecimentos, habilidades e práticas – Patricia Carvalho de Jesus; Maria Inês Couto de Oliveira; José Rodrigo de Moraes


Resenhas

Análise institucional & Saúde Coletiva – L’Abbate S, Mourão LC, Pezzato LM, organizadores. –  Resenhado por Cinira Magali Fortuna


Cartas

Pesquisa qualitativa como vocação? – Rodrigo Otávio Moretti-Pires; Douglas Francisco Kovaleski

¿Es posible generalizar en estudios cualitativos? – José Luis Ventura-León; Miguel Barboza-Palomino


Errata

Comments

comments

Deixe uma resposta