Seminário internacional: a crise e os sistemas universais de saúde na América Latina 

Nesta semana (21 e 22 de novembro) a Universidade Federal do Rio de Janeiro recebe o “Seminário internacional: a crise e os sistemas universais de saúde na América Latina”, um espaço para o aprofundamento da discussão qualificada sobre a crise e os sistemas universais de saúde em nossa região. As mesas e oficinas, que pretendem confrontar diferentes interpretações consolidadas sobre crise e saúde, contarão com a presença de vários abrasquianos: Eduardo Levcovitz (IMS/UERJ) e José Gomes Temporão (CEE/Fiocruz) debatem sobre “Crise política e econômica e sistemas de Saúde Universais na América Latina”; José Sestelo (IESC/UFRJ) estará na mesa Dominância Financeira e Setor Saúde; Mario Dal Poz (IMS/UERJ), Carlos Ocké Reis (IPEA) e Mario Scheffer (FCM/USP) estarão na mesa “Desafios Contemporâneos para os Sistemas de Saúde”.

Ligia Bahia, da Comissão de Política, Planejamento e Gestão em Saúde da Abrasco, uma das coordenadoras do Seminário, pontua que o evento será uma oportunidade para aprofundar o conhecimento sobre sistemas de saúde de países que não partiram das mesmas condições que os europeus para organizar sistemas universais de saúde: – “Ocorre em um momento de ‘virada’ quando o Brasil vê o SUS, movimentos sociais no Chile sinalizam o malogro do sistema de saúde privado e México e Argentina propõem mudanças universalizantes. Esperamos que o encontro possa refletir sobre esses processos contraditórios e avançar alternativas.” sinaliza.  Inscrições no site do evento. 

Seminário Internacional: a crise e os sistemas universais de saúde na América Latina

Data: 21 e 22 de novembro de 2019
Hora: 9h às 17h
Local: Instituto de Estudos de Saúde Coletiva da Universidade Federal do Rio de Janeiro (IESC), Cidade Universitária – UFRJ.
Mais informações: https://seminariogpdes.wixsite.com/website

Confira a programação completa:

 

21 de Novembro 

9:00h – Abertura

Denise Pires de Carvalho – Reitora da UFRJ

Socorro Gross – Representante da OPAS no Brasil

Antônio José Leal Costa – Diretor do Instituto de Estudos de Saúde Coletiva, UFRJ

 

9:30h

MESA 1 – Crise política e econômica e sistemas de Saúde Universais na América Latina

Coordenação: Adolpho Horácio Chorny – Escola Nacional de Saúde Pública, Fiocruz Brasil

Palestrantes:

Eduardo Levcovitz – Instituto de Medicina Social, UERJ

José Gomes Temporão – Centro de Estudos Estratégicos da Fundação Oswaldo Cruz

Juan Manuel Esteban Castro Albarrán – Secretaria de Saúde da Cidade do México

Enio Garcia – Universidade de José C. Paz e Fundação Soberania Sanitária, Argentina

 

14:00h

MESA 2 – Reformas e Tendências dos Sistemas de Saúde na América Latina

Coordenação: Henry Jouval – Organização Pan Americana de Saúde

Palestrantes: Camilo Cid Pedraza – Organização Panamericana da Saúde

Danielle Conte – Instituto de Saúde Coletiva, UFRJ

Maria José Luzuriaga – Universidade de Lanus, Argentina

 

22 de Novembro

9:30h

MESA 3 – Dominância Financeira e Setor Saúde

Coordenação: Claudia Travassos – Fundação Oswaldo Cruz

Palestrantes:

Artur Monte Cardoso – Instituto de Estudos de Saúde Coletiva, UFRJ

José Carlos Braga – Instituto de Economia, Universidade Estadual de Campinas

José Sestelo – Instituto de Estudos de Saúde Coletiva, UFRJ

Paulo Marcos Senra – Aliança para a Saúde Populacional

 

14:00h

MESA 4 – Desafios Contemporâneos para os Sistemas de Saúde

Coordenação: Mario Dal Poz – Instituto de Medicina Social, UERJ

Palestrantes:

Carlos Otavio Ocké Reis – Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada

Leonardo Mattos – Instituto de Estudos em Saúde Coletiva, UFRJ

Luis Antonio Santini – Centro de Estudos Estratégicos da Fundação Oswaldo Cruz

Mario Scheffer – Faculdade de Medicina, Universidade Estadual de São Paulo

 

17:00h – Encerramento do Seminário

Ligia Bahia – Instituto de Estudos em Saúde Coletiva, UFRJ

Comments

comments

Deixe uma resposta