Comissão Europeia lança programa de apoio a institutos de saúde


Alinhado aos Objetivos do Milênio e ao intercâmbio de conhecimento e de inovação entre países, a Comissão Europeia está com uma chamada pública de propostas para o programa Investindo em Pessoas, com rubrica específica para apoio a escolas e institutos de pesquisa e treinamento em saúde pública, sejam públicos ou privados. Os objetivos específicos da chamada visam auxiliar instituições para a produção de estudos baseados em evidências para auxiliar as tomadas de decisão nas definições de políticas públicas em saúde.

 

Terão prioridade institutos instalados em países em desenvolvimento que proporcionem troca de conhecimento e de diálogo na área de políticas públicas e em ações de treinamento voltadas à cobertura universal de saúde e ao crescimento da equidade em saúde. O edital dará prioridade a parcerias transnacionais que estabeleçam cooperação entre países sul – sul. As propostas devem contar com um mínimo de duas instituições co-proponentes (podendo ser do mesmo país) e aquelas que vislumbrarem cooperações internacionais devem contemplar ao menos dois países.

 

Serão aceitas propostas com ações a serem realizadas dentro do prazo de 48 a 60 meses e que tenham orçamento entre 1 e 4 milhões de euros. Apenas um proponente oficial por país será selecionado. O valor total do programa é de 23 milhões de euros. As propostas devem ser inscritas na plataforma PADOR, da Comissão Europeia, ter suas notas conceituais e formulários encaminhados por e-mail.Este primeiro prazo encerra-se em 17 de março e o orçamento detalhado será pedido aos pré-aprovados ao final de abril, devendo ser entregue até 15 de junho. Acesse o manual de instruções, planilhas e documentações no site da Comissão Europeia.

Comments

comments

Deixe uma resposta