CBN ouve Dra. Lígia Bahia em reportagem sobre concentração de horas extras no INTO


Rádio CBN: Com base em dados obtidos através da Lei de Acesso à Informação, a CBN revela que uma pequena elite de profissionais do Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia concentrou o pagamento de adicional por plantão hospitalar entre 2010 e 2012. O benefício é pago a servidores federais da área de saúde para garantir o funcionamento das unidades aos sábados, domingos e feriados. No Into, os plantões extras deveriam acelerar a fila por uma cirurgia, que tem 21 mil pacientes, mas isso não aconteceu.

Um levantamento feito pela CBN revela que a maior parte dos valores destinados ao pagamento de adicional por plantão hospitalar no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia beneficiou apenas 10% dos profissionais de saúde que fizeram horas extras. A unidade fica na Zona Portuária do Rio de Janeiro e é referência nacional em cirurgias ortopédicas. Os dados se referem ao período que vai de agosto de 2010, quando os plantões com adicional começaram a ser feitos, a dezembro do ano passado. Leia e ouça a reportagem aqui

 

Comments

comments

Deixe uma resposta