Ética nas pesquisas em ciências humanas e sociais em saúde – edição de setembro da Revista Ciência & Saúde Coletiva


A questão da ética em pesquisa passou a se configurar como um problema a partir do exponencial desenvolvimento do campo científico no século XX e das históricas constatações do envolvimento de investigadores de renome no horror das experiências com seres humanos no nazismo, no estalinismo e, mais proximamente, no uso de elementos particulares de povos indígenas, entre outros tipos de envolvimento como o desenvolvimento de armas químicas e o uso da energia nuclear.

ACESSE ESTE NÚMERO NO SITE DA REVISTA OU NA BASE DE DADOS DO SCIELO 

 

Pela premência da aplicação dos conhecimentos biomédicos na vida humana, o campo que primeiro se desenvolveu foi o da bioética. E, como resultado dessa primazia, o campo médico passou a ditar normas de ação que vêm sendo impostas aos estudos sociais e humanos, dentro de uma lógica que não condiz com essa área de conhecimento. A reação dos cientistas sociais e das áreas de humanidades contra a transferência indevida da lógica biomédica a seu campo científico vem ocorrendo no mundo inteiro e também no Brasil. Este número temático traz aos leitores textos que estão dentro de uma proposta específica da ética reflexiva própria das áreas sociais e de humanidades.

Nesse sentido, ele se coloca no foco de debate tão necessário quanto a ideia de que também é possível fazer o bem e o mal em investigações de ciências sociais e humanas. Portanto, elas igualmente precisam ser eticamente reguladas, mas de forma peculiar e adequada. Neste número, organizado por Iara Guerriero, Maria Lúcia Bosi e Elizabeth Peter, os textos analisam a complexidade e os desafios de elaborar diretrizes éticas voltadas a pesquisas nas Ciências Humanas em Saúde – CHS, a luta de poder que se trava entre as diversas disciplinas e o quanto normas adequadas podem contribuir para o diálogo entre os diferentes campos. Esta edição traz ainda muitas outras colaborações, dentre elas, um importante artigo de Ana Amélia Camarano e Daniele Carvalho sobre um grupo geralmente ausente das investigações: os homens maduros que não trabalham, não procuram trabalho e não são aposentados.

Artigos temáticos

1. Ética em pesquisa na dinâmica do campo científico: desafios na construção de diretrizes para ciências humanas e sociais – Iara Coelho Zito Guerriero; Maria Lúcia Magalhães Bosi

2. The ethics in qualitative health research: special considerations – Elizabeth Peter

3. Ethics, collective health, qualitative health research and social justice – Iara Coelho Zito Guerriero; Fernando Peñaranda Correa

4. Restituição dos dados na pesquisa etnográfica em saúde: questões para o debate a partir de experiências de pesquisas no Brasil e França – Jaqueline Ferreira

5. Autoria, subjetividade e poder: devolução de dados em um centro de saúde na Guariroba (Ceilândia/DF) – Soraya Fleischer

6. Reflexões acerca da devolução dos dados na pesquisa antropológica sobre saúde – Daniela Riva Knauth; Nádia Elisa Meinerz

7. Ela, Zefinha – o nome do abandono – Débora Diniz

8. Problematizando o conceito de risco em diretrizes éticas para pesquisas em ciências humanas e sociais na Saúde Coletiva – Maria Lúcia Magalhães Bosi

9. Apontamentos críticos sobre estigma e medicalização à luz da psicologia e da antropologia – Lygia de Sousa Viégas; Rui Massato Harayama; Marilene Proença Rebello de Souza

 

Artigo de Opinião

10. Disputas científicas que transbordam para o campo da Ética em pesquisa: entrevista realizada por Iara Guerriero e Maria Lucia Bosi com Maria Cecília de Souza Minayo

Artigos de Revisão

11. Questionários de frequência de consumo alimentar desenvolvidos e validados para população do Brasil: revisão da literatura – Dixis Figueroa Pedraza; Tarciana Nobre de Menezes

12. Construcionismo social na atenção básica: uma revisão integrativa – Eliane Cadoná; Helena Scarparo

13. Sobrecarga no cuidar e suas repercussões nos cuidadores de pacientes em fim de vida: revisão sistemática da literatura – Mayra Delalibera; Joana Presa; António Barbosa; Isabel Leal

Construtores da Saúde Coletiva

14. Um sanitarista chamado Walter Leser – Guilherme Arantes Mello; José Ruben de Alcântara Bonfim

 

Artigos de temas livres

15. O que estão fazendo os homens maduros que não trabalham, não procuram trabalho e não são aposentados? – Ana Amelia Camarano; Daniele Fernandes Carvalho

16. A inserção do nutricionista na Atenção Básica: uma proposta para o matriciamento da atenção nutricional – Marina Borelli, Semíramis Martins Álvares Domene, Laís Amaral Mais, Juliana Pavan, José Augusto de Aguiar Carrazedo Taddei

17. Distribuição espacial da obesidade em área urbana no Brasil – Fernanda Penido Matozinhos; Gustavo Velásquez Meléndez; Milene Cristine Pessoa; Larissa Mendes; Crizian Saar Gomes; Marcelo Azevedo Costa

18. Sofrimento e preconceito: trajetórias percorridas por nutricionistas obesas em busca do emagrecimento – Kênya Lima de Araújo; Paulo Gilvane Lopes Pena; Maria do Carmo Soares de Freitas

19. Mudança no perfil sociodemográfico de consumidores de produtos orgânicos – Maristela Costamilan Pereira; Cátia Regina Müller; Fernanda Souza Abduch Rodrigues; Angélica Bandeira Afonso Moutinho; Kelly Lameiro Rodrigues; Fabiana Torma Botelho

20. Correlação entre produção agrícola, variáveis clínicas-demográficas e câncer de próstata: um estudo ecológico – João Francisco Santos da Silva; Ageo Mário Cândido da Silva; Laércio Lima-Luz; Ricardo Dutra Aydos; Inês Echenique Mattos

21. Por uma filosofia do medicamento – Cléber Domingos Cunha da Silva

22. Classificação das perdas dentárias: fatores associados a uma nova medida em uma população de adultos – Marília Jesus Batista; Herenia Procopio Lawrence; Maria da Luz Rosário de Sousa

23. É preciso “ikarar os kutipados”: interculturalidade e assistência à saúde na Amazônia Peruana – Rosário Avellaneda Yajahuanca; Carmen Simone Grilo Diniz; Cristiane da Silva Cabral

24. Estratégia do apoio matricial: a experiência de duas equipes do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) da cidade de São Paulo, Brasil – Juliana de Oliveira Barros; Rita Maria de Abreu Gonçalves; Ronaldo Pires Kaltner; Selma Lancman

25. Fatores associados à sobrecarga subjetiva de homens e mulheres cuidadores de pacientes psiquiátricos – Cynthia Felicio Batista; Marina Bandeira; Daniela Ramires Oliveira

26. Gestações subsequentes em mulheres que tiveram sífilis na gestação – Marjorie Garlow Hebmuller; Humberto Holmer Fiori; Eleonor Gastal Lago

27. Autopercepção de saúde em quilombolas do norte de Minas Gerais, Brasil – Stéphany Ketllin Mendes Oliveira; Mayane Moura Pereira; André Luiz Sena Guimarães; Antônio Prates Caldeira

28. Avaliação da incompletude da declaração de óbitos de menores de um ano em Pernambuco, Brasil, 1999-2011 – Mariana Oliveira de Alencar Ramalho; Paulo Germano de Frias; Lygia Carmen de Moraes Vanderlei; Vilma Costa de Macêdo; Pedro Israel Cabral de Lira

29. A estrutura das representações sociais sobre saúde e doença entre membros de movimentos sociais – Helena Eri Shimizu; Jessica Reis e Silva; Luciana Melo de Moura; Ximena Pamela Días Bermúdez; Muna Muhammad Odeh

30. Marcas visíveis e invisíveis: danos ao rosto feminino em episódios de violência conjugal – Suzana de Magalhães Dourado; Ceci Vilar Noronha
Resenhas

Como se fosse da família: a relação (in)tensa entre mães e babás – Silveira LMB. Resenhado por Letícia Carvalho de Mesquita Ferreira

 

 

Comments

comments

Um comentário sobre “Ética nas pesquisas em ciências humanas e sociais em saúde – edição de setembro da Revista Ciência & Saúde Coletiva

Deixe uma resposta