Luta contra os agrotóxicos mobiliza pesquisadores e estudantes na Unisinos


A cada dia, os brasileiros tomam maior conhecimento dos perigos que o uso dos agrotóxicos causam a saúde. Dessa vez, o debate promovido pelo Dossiê Abrasco: Um alerta dos impactos dos agrotóxicos na saúde aconteceu em São Leopoldo (RS) no Seminário Agrotóxicos: Impactos na Saúde e no Ambiente, realizado na última segunda-feira, 24 de agosto. Promovido pelo Instituto Humanitas Unisinos e pelo programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Unisinos, a atividade contou com a presença de Karen Friedrich, integrante do Grupo Temático Saúde e Ambiente da Abrasco (GTSA/Abrasco) e pesquisadora do INCQS/Fiocruz, Fernando Carneiro, diretor da Fiocruz Ceará e também do GTSA/Abrasco, e Leonardo Melgarejo, da A AS-PTA – Agricultura Familiar e Agroecologia.

No debate, os pesquisadores buscaram desconstruir as inverdades que garantem o uso indiscriminado dos venenos. Karen articulou a ideia de que a cultura tanatológica dos homens para com o ambiente encontra-se em todos os espaços da vida contemporânea, do controle das baratas nas cozinhas e banheiros dos lares, no uso do fumacê para o controle do Aedes Egypt, na agricultura. “No ambiente, somos expostos a vários tipos de agrotóxicos. Isso gera efeitos acumulativos e essa combinação pode gerar consequências, como predisposições cancerígenas. Além do mais, também podemos absorver agrotóxicos por mais de uma via. Os efeitos podem surgir a muito longo prazo”, explica.

Melgarejo destacou a mudança de pensamento e de qualidade de vida e de produção agro-alimentar que pode ser alcançada em um mundo sem venenos, nem transgenias. “Sem agrotóxico se compromete a produção em larga escala de diversas culturas”, ressaltando a importância da aprovação do Programa Nacional de Redução de Agrotóxicos (Pronara) e do Plano Nacional de Agroecologia e Produção Orgânica (Planapo) pelo governo federal.

O Instituto Humanitas Unisinos tem dado destaque ao tema. Para divulgação do Seminário, a comunicação do IHU entrevistou Carneiro e Karen e já publicou a matéria da cobertura. Em abril, realizou uma entrevista com Melgarejo sobre a aprovação do eucalipto transgênico pela CNTBio e crescimento desenfreado das plantações. Clique nos títulos e leia as matérias na íntegra.

Agrotóxico: o inimigo entre nós

Estudos epidemiológicos apontam relação entre consumo de agrotóxicos e câncer. Entrevista especial com Karen Friedrich

Agrotóxicos: uma conta alta que a sociedade ainda não se conscientizou de que pagará. Entrevista especial com Fernando Carneiro

Aprovação de eucalipto transgênico atende interesse do mercado de pasta de celulose. Entrevista especial com Leonardo Melgarejo

Comments

comments

Deixe uma resposta