Carlos Morel preside conselho de aliança internacional contra tuberculose


 

O pesquisar brasileiro Carlos Morel, diretor do Centro de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde (CDTS/Fiocruz), foi eleito presidente do Conselho de Diretores da Aliança Global de Desenvolvimento de Drogas para Tuberculose ( Aliança TB), organização internacional, que busca curas mais eficientes, rápidas e acessíveis para a doença.

À Agência FioCruz de Notícia Morel afirmou que pela capacidade científica e tecnológica de suas instituições e pela importância que a tuberculose ainda assume no contexto nacional, o Brasil terá uma maior participação nos próximos desafios que a TB Alliance. “Já iniciamos contatos com o Ministério da Saúde, por meio das secretarias de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos (SCTIE) e de Vigilância em Saúde (SVS), visando fortalecer parcerias que possam levar a importantes desdobramentos científicos, tecnológicos e em saúde pública para o país", destaca.

A doença ainda é uma das principais causas de morte no mundo. Cerca de 1,4 milhão de pessoas morrem todos os anos. No Brasil, em 2012, foram notificados  71.337 casos da enfermidade e, entre 2001 e 2011, aproximadamente 4,6 mil mortes pela doença foram registradas. Mais informações aqui.

Comments

comments

Deixe uma resposta