Você sabe como os resumos submetidos ao EPI 2021 são selecionados?

Até o dia 14 de maio é possível submeter resultados de pesquisa, relatos de experiência de vigilância em saúde ou relatos de experiência de ensino em epidemiologia para o 11º Congresso Brasileiro de Epidemiologia. Mas você sabe como esses trabalhos são analisados, depois de enviados?

Quem seleciona?

A Comissão Científica do 11º Congresso Brasileiro de Epidemiologia abriu uma chamada pública para avaliadores de trabalhos científicos. Podem participar doutores ou aqueles que já estão nos últimos semestres do doutorado – em epidemiologia ou  áreas relacionadas.

Como é a Avaliação?

Na hora de enviar o trabalho, os autores selecionam um tema (por exemplo: “Epidemiologia das doenças transmissíveis” ou “Epidemiologia social e determinantes sociais em saúde”). Cada um dos eixos temáticos é gerenciado por uma equipe de coordenadores, definida pela Comissão Científica.

Encerrada a submissão de resumos, os coordenadores encaminham cada trabalho para dois revisores diferentes, do mesmo eixo temático. A prática evita distorções de um parecer isolado. Além disso, para garantir imparcialidade, os avaliadores não sabem quem são os autores dos textos que estão analisando.  

Os revisores são voluntários?

Sim! Como toda a atividade da Comissão Científica, a revisão de trabalhos é voluntária. Docentes e pesquisadores dedicam seu tempo, esforço e conhecimento a fim de construir um evento plural e cientificamente referenciado.

Confira mais informações sobre o evento virtual e inscreva-se em www.epi.org.br

Comments

comments

Deixe uma resposta