Revista Ciência & Saúde Coletiva discute democratização do SUS


A Revista Ciência & Saúde Coletiva inicia o ano de 2013 fazendo um balanço sobre sua produtividade em 2012: 299 artigos publicados, 2262 originais recebidos, 270 aceitos incondicionalmente, 1366 rejeitados e mais de 200 em processo interno de avaliação. Destacam-se números temáticos de grande importância como é caso dos que tratam de Acesso aos Serviços de Saúde; dos Homicídios no País e na América Latina; da Saúde do Homem; do Aborto; do Suicídio de Pessoas Idosas; da Avaliação voltada para a Gestão; da Pesquisa Qualitativa em Saúde; do Apoio social; da Rio+20; e outros. Inicia-se 2013 retomando-se um dos temas mais recorrente na Revista: o aprimoramento do SUS.  Neste número os vários autores levantam aspectos relevantes como a democratização e a participação – temas que convergem para o princípio constitucional da universalização; a experiência de políticas e de práticas locais informadas por evidência; o dilema da qualidade do atendimento público nas unidades de saúde; a incorporação tecnológica; o apoio à saúde de famílias em situação de vulnerabilidade; os programas das academias para exercício físico em espaços públicos das cidades, a formação de competências para aumentar a eficiência do SUS, dentre outros. Para acessar clique aqui.

Comments

comments