Negação de direitos que se repete: primeira Ágora do Abril Indígena debate vacina

A vulnerabilidade dos povos indígenas no contexto de pandemia, juntamente com o real impacto da lentidão no processo de imunização para a contenção do vírus e a necessidade do fortalecimento do subsistema de atenção à saúde indígena nortearam a Ágora Abrasco Vacina contra a Covid-19 e povos indígenas. Realizada em 14 de abril, esta foi a primeira Ágora temática em apoio ao Abril Indígena – ATL 2021.

Participaram da roda de conversa virtual Gersem Baniwa, professor da UFAM; Marco Antônio Delfino de Almeida, procurador do MPF; Sonia Guajajara, coordenadora Executiva da Apib; João Cassimiro Tapeba, coordenador Executivo da APOINME e Mariana Marelonka Ferron da Faculdade Israelita de Ciências da Saúde Albert Einstein (FICSAE) e consultora IEPE sob coordenação de Ana Lucia Pontes da ENSP/Fiocruz e coordenadora GT Saúde Indígena/Abrasco.

+Conheça mais sobre autores e autoras indígenas – acesse a seleção da Abrasco Livros

A Abrasco promoverá mais dois encontros do Abril Indígena. Fique por dentro:

Assista a íntegra do painel na TV Abrasco:

Comments

comments

Deixe uma resposta