Seminário #GovernoSemVoto discute o golpe no SUS


Três grandes pensadores da realidade brasileira e da Saúde Coletiva são os convidados do sétimo seminário público #GovernoSemVoto, promovido pelo Le Monde Diplomatique Brasil e Plataforma Política Social. Gastão Wagner de Sousa Campos, Lígia Bahia e Jairnilson da Silva Paim participam da mesa O Golpe no SUS.  Será na próxima segunda-feira, 24 de outubro, às 19h30, na sede do Instituto Pólis, no centro de São Paulo.

Declarações de membros da base do governo e da equipe ministerial de Temer demonstram a falta de compromisso em manter o sistema público brasileiro como garantido na Constituição: universal, integral e com equidade. Além de de analisar as propostas do governo Temer para o Sistema Único de Saúde (SUS), que pode sofrer um golpe mortal se avançarem propostas como a PEC 241 e a dos Planos de Saúde Acessíveis, os docentes vão falar das formas de resistência possíveis para a garantia da democracia em tempos de adversidade.

O evento é aberto ao público e gratuito, com transmissão on line ao vivo pela TV PUC – SP. O link gerado na hora será disponibilizado. Acompanhe as informações pela página oficial do evento e também pelo nosso canal no Facebook – Abrasco Divulga.

O Golpe no SUS – 7º Seminário Público do #GovernoSemVoto
Segunda-feira, dia 24 de outubro – das 19h às 22h30
Auditório do Instituto Polis
Rua Araújo, 124, República, São Paulo – SP

Convidados:
Gastão Wagner, médico sanitarista, professor da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (FCM/Unicamp), e presidente da Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco).

Jairnilson Paim, médico sanitarista, professor do Instituto de Saúde Coletiva da Universidade Federal da Bahia (ISC/UFBA).

Ligia Bahia, médica sanitarista e professora da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Mediação:
Silvio Caccia Bava, editor do Le Monde Diplomatique Brasil

Comments

comments

4 comentários sobre “Seminário #GovernoSemVoto discute o golpe no SUS