Revista Ciência & Saúde Coletiva é o segundo periódico brasileiro mais acessado na web


Artigos relevantes nas áreas de epidemiologia, políticas e avaliação de serviços médico-hospitalares e demais áreas conexas à saúde pública fazem da revista Ciência & Saúde Coletiva (C&SC), editada pela Abrasco, uma referência entre os periódicos nacionais desde sua fundação, em 1996.

Mais uma vez, esse papel de destaque é reconhecido. A C&SC é a segunda publicação em português mais acessada e melhor ranqueada pelo Google Acadêmico – ou Google Scholar, em inglês – serviço de busca de citações e períodos recém-lançado pela gigante da tecnologia. A primeira colocação está com a Cadernos de Saúde Pública, da Escola Nacional de Saúde Pública (Ensp/Fiocruz) e o terceiro lugar é da Revista de Saúde Pública, da Faculdade de Saúde Pública (FSP/USP). A Revista Brasileira de Epidemiologia, outra publicação da Abrasco, está na 11ª colocação. O ranking completo pode ser acessado aqui.

Para Cecília Minayo, editora científica da C&SC, este é o resultado de um trabalho diuturno. “Essa notícia sinaliza uma demanda qualificada sobre a revista e sobre os autores que nela publicam. O espírito da C&SC é de abraçar todas as áreas que compõem ou fazem fronteira com a Saúde Coletiva e também de aceitar e divulgar autores de todos os recantos do país, sem privilegiar ninguém a não ser pelo mérito. Hoje estamos colhendo o fruto dessa perspectiva”, comenta Cecília, que reforça também o papel da publicação como instrumento para melhorias no campo da Ciência, Tecnologia e Inovação voltadas ao SUS.

O Google Acadêmico utiliza o H-Index para a classificação das publicações, reunindo todas as citações de artigos individuais para a classificação. A revista de agosto já está disponível na base Scielo e a versão impressa chegará nos próximos dias aos associados da Abrasco. Leia e confira.

Comments

comments