Oficina discute caminhos significativos para livro sobre história da Abrasco


A Oficina “Redação do novo livro sobre a história da Abrasco”, ocorrida no dia 22 de maio, em Salvador, contou com a participação da diretoria da Associação e de vários personagens importantes da trajetória da Saúde Coletiva brasileira. Segundo Carlos Silva, secretário Executivo da Abrasco, a Oficina de Trabalho para a preparação do livro teve o objetivo de discutir as perspectivas de atualização do desenvolvimento da Abrasco nos últimos dez anos, já que há a publicação que conta a trajetória de 25 anos da entidade, organizada por Nísia Trindade, vice-presidente de Ensino, Comunicação e Informação da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

“Na verdade, os autores, coordenados pelos mesmos organizadores do primeiro livro, tiveram oportunidade de apresentar os termos de referência de seus respectivos textos, quando o coletivo pode debater e acrescentar reflexões a cada um deles e sobretudo, assinalar questões/temas, quer estruturantes da própria Associação como da sua inserção política na agenda de saúde do país e suas relações com outras instituições que compõem o movimento da reforma sanitária brasileira”, explicou Carlos Silva.

Mais do que uma atualização, a expectativa é de que se tenha um outro livro para saudar os 35 anos da Abrasco. O novo livro será lançado no Abrascão 2015, em Goiânia (GO).

Novas oficinas já estão programadas. Em setembro, dia 27, na sede da OPAS, em Brasília, além da oficina, também está confirmado o evento de comemoração dos 35 anos da Abrasco.

Comments

comments