Fórum de Coordenadores dos PPGs em Saúde Coletiva realiza reunião extraordinária no Abrascão


Desde o início do mês de julho, quando a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) anunciou cortes de até 75% nos programas que financiam o funcionamento acadêmico e administrativo de todos os programas de pós-graduação credenciados, docentes, pesquisadores, estudantes e associações científicas de diversas disciplinas e campos do conhecimento vem manifestando sua preocupação com a continuidade e mesmo com a existência do Sistema Nacional de Pós-Graduação.

A Saúde Coletiva não se absteria desse debate. No dia 11 deste mês, a Abrasco e o Fórum de Coordenadores dos Programas de Pós-Graduação em Saúde Coletiva divulgaram nota questionando a decisão. Outras associações científicas, como ABA, SBS, ANPUH, o Fórum de Pró-Reitores de Pós-Graduação (FOPROP) e a Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) também o fizeram.

Dada a oportunidade de encontrar parte considerável da comunidade científica da Saúde Coletiva durante o Abrascão, a Coordenação do Fórum de Coordenadores, com consulta aos Programas, decidiu realizar uma reunião extraordinária durante o Congresso, em Goiânia.

“O objetivo é discutir com os membros do Fórum presentes nossos novos posicionamentos frente aos cortes de verba anunciados pela Capes”, declara Aylene Bousquat, coordenadora do Coletivo. A reunião é restrita aos coordenadores dos PPGs e a representantes previamente confirmados e indicados pelas coordenações.

Reunião Extraordinária do Fórum de Coordenadores dos PPGs em Saúde Coletiva
Quinta-feira, 30 de julho
Das 18h às 20h
Sala 2 do Centro de Eventos do Campus II da UFG

Comments

comments