Começa a 15ª Conferência Nacional de Saúde


Após seis meses de intensos debates em todos os cantos do país, em mais de quatro mil conferências municipais e nas 27 conferências estaduais e distritais; nos diversos níveis e segmentos, é chegada a hora do maior espaço de participação e discussão democrática dos rumos da saúde na sociedade brasileira: a Conferência Nacional de Saúde, que chega a sua 15ª edição (15ªCNS). A abertura será marcada pela Marcha em Defesa do SUS, com concentração marcada para às 14 horas, em dois pontos: Catedral de Brasília e Museu Nacional. O final do percurso será no Congresso Nacional. Já a cerimônia será no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, a partir das 18 horas, sem a presença da presidenta Dilma Rousseff.

A ideia da Marcha surgiu a partir da mobilização de entidades e movimentos da saúde para a criação de uma nova concertação de atores sociais em torno da saúde pública, batizada de Frente em Defesa do SUS (Frente AbraSUS) em 10 de novembro último. Todos juntos, movimentos sociais, redes e entidades, conselheiros de saúde de diversos níveis e representações, além de parlamentares e representantes de órgãos públicos estarão reunidos em torno da defesa da saúde pública para a população brasileira.

Durante a Marcha, a Abrasco estará representada pelos professores Elza Machado de Melo, do Núcleo de Estudos em Saúde Coletiva da Universidade Federal de Minas Gerais (Nescom/UFMG), José Ivo dos Santos Pedrosa, do Centro de Ciências da Saúde da Universidade Federal do Piauí (CCS/UFPI), e Leonor Pacheco, da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade de Brasília (FS/UnB), todos integrantes do Conselho Diretor da Associação. O presidente da Abrasco, professor Gastão Wagner, participa amanhã dos Diálogo Temáticos ‘Gestão do SUS e os Modelos de Atenção à Saúde’, às 10h30, na Sala 6 do Centro de Convenções Ulysses Guimarães.

+ Confira aqui a programação completa da 15ª CNS

+ Leia o Manifesto em Defesa do SUS

Os organizadores não falam em números, mas a expectativa é de reunir cerca de 2 mil pessoas, mobilizadas por três carros de som. Portadores de necessidades especiais e pessoas com mobilidade reduzida terão transporte garantido e assistido, juntamente com distribuição de água e materiais informativos para os presentes.

Credenciamento e cerimônia oficial: Toda a 15ªCNS acontecerá no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, e a abertura do credenciamento foi reagendada após a marcha. A cerimônia de abertura está marcada para ás 18 horas. Nem Conselho Nacional de Saúde (CNS), nem o Ministério da Saúde (MS) divulgou a lista de representantes da mesa oficial. A atividade não consta da agenda oficial do Palácio do Planalto.

Ao longo dos quatro dias, delegados e delegadas da etapa nacional debaterão o tema “Saúde pública de qualidade para cuidar bem das pessoas: direito do povo brasileiro”, em grupos e na plenária final. Tendas de cuidados, atividades paralelas, exposições e agenda cultural também fazem parte das atividades.

+ Acesse aqui o Regulamento Interno da 15ª CNS

+ Leia A Abrasco em movimento por avanços no direito à saúde

Comments

comments