Abrasco: 43 anos de luta pela saúde da população brasileira

Em 27 de setembro de 1979. Cerca de 28 representantes de programas de pós-graduação em Saúde Pública participaram da Reunião sobre Formação de Nível Pessoal em Saúde Pública, realizada na sede da Organização Pan-Americana de Saúde, em Brasília, e fundaram a então Associação Brasileira de Pós-Graduação em Saúde Coletiva – Abrasco, renomeada em 2011, Associação Brasileira de Saúde Coletiva.

Neste 2022 a Abrasco está fazendo 43 anos. Os marcos dessa história são inúmeros, encontram-se escritos em livros (veja aqui e aqui duas publicações), na memória e na produção científica da área, nas conquistas pelo direito à saúde do povo brasileiro. É muita história vivida!

Num ano com tantas ações em simultâneo, trazemos para a celebração desses 43 anos os pontos principais de nossa atuação em 2022

Para Rosana Onocko, presidente da Abrasco, destaca sua alegria e honra em estar nesse momeno à frente da Associação. “Nesses anos tão difíceis pelo que a gente passou e continua a passar não nos furtamos à defesa do direito do povo brasileiro.

Seguimos a luta contra a Covid-19 numa pandemia que ainda não acabou e por ampla vacinação!
Até o momento, mais de 49 notas técnicas e posicionamentos para garantir a proteção da saúde do povo brasileiro!

Esse ano também foi um ano de renovação. Atualizamos nossa logomarca e implantamos uma nova identidade visual! Agora temos novas cores, elementos e uma marca que reflete o caráter dinâmico da instituição.

Nos 200 anos da independência, participamos com diversas atividades da 74ª Reunião Anual da SBPC.levamos olhar da Saúde Coletiva para pensar e construir saídas e soluções para um Brasil efetivamente independente e soberano.

Assista à mesa Pobreza, Desigualdades, Proteção Social e Saúde no Brasil na 74ª RA SBPC

Assista à mesa As Ciências nas pandemias: da gripe espanhola à Covid-19, na 74ªRA SBPC

Assista à fala de Rosana Onocko sobre os 200 anos da ciência brasileiraa à 74ª RA SBPC

A Abrasco compõe a Frente pela Vida que, junto com demais entidades, realizou a Conferência Livre, Democrática e Popular de Saúde, numa construção coletiva para uma nova política de saúde para o Brasil.

Em clima de eleições, estamos realizando a campanha #FortalecerOSUS. Ao pautar a luta por um Sistema 100% público com destaque nas candidaturas, mostramos para a população o tamanho do SUS e como ele pode (e deve!) ser ainda maior e mais inclusivo!

Este ano também será marcado pelo retorno dos congressos presenciais da Abrasco.

Depois de 2 anos, nos reuniremos em Salvador para o 13° Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva, o #Abrascão2022. Esperamos ver toda a comunidade da Saúde Coletiva por lá.

Comments

comments

Deixe um comentário