Curso gratuito: “Coronavírus e Iniquidades em saúde”


A Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), assim como diversas instituições de ensino e pesquisa no Brasil e no mundo, preparou uma série de cursos gratuitos e abertos para quem quiser e puder estudar à distância durante o período de isolamento social. Tatiana 
Engel Gerhardt, vice-presidente da Abrasco, e Daniel Canavese, coordenador do GT Saúde da População LGBTI+ da Abrasco, são professores do Departamento de Saúde Coletiva de Saúde Coletiva (DESCOL) da UFRGS, e responsáveis pelo curso Coronavírus e Iniquidades em saúde: saúde coletiva e pensamento crítico em tempos de pandemia.

A atividade, dividida em três módulos, pretende reforçar o papel das Ciências Sociais e Humanas no campo da Saúde Coletiva e contribuir para as reflexões sobre a crise humanitária: “A difusão científica será de grande valia para pensamentos críticos sobre todas as vidas, para a tomada de decisão nas mudanças de rotinas no cotidiano de cada cidadão e cidadã, no amparo a decisões e orientações profissionais, sejam elas no âmbito da assistência quanto na política, na gestão e no planejamento, na promoção e educação em saúde, na análise de situações e na vigilância em saúde. O conhecimento científico sensível, solidário e fraterno traz caminhos a transformação dos modos de vida e de sociabilidade, além de mudanças estruturais, econômicas, políticas e ecológicas para sociedades mais sustentáveis e humanas, aspectos urgentes em tempos da Covid-19″.

O curso não oferece tutoria – ou seja, os participantes acompanham o conteúdo de forma autônoma -, e apresenta certificado de 30 horas ao final do cumprimento de todos os módulos. Confira, abaixo, a ementa resumida e veja como se inscrever e participar, na plataforma Lumina, da UFRGS. 

O Módulo 1 – Coronavírus: questões centrais em tempos de pandemia tem por objetivo revisitar conceitos e questões importantes e centrais para as reflexões, análises e tomadas de decisão no enfrentamento à pandemia: o papel da ciência crítica; à assistência e atenção à saúde e o papel do SUS; as concepções de saúde, doença, vulnerabilidade, à iniquidade em saúde.

O Módulo 2 – Coronavírus e produção científica crítica frente à pandemia do covid-19 tem por objetivo explorar a produção científica crítica frente à pandemia relativa às iniquidades em saúde a partir de conteúdos selecionados por pesquisadoras e pesquisadores do campo da Saúde Coletiva que atuaram ativamente na curadoria de textos e outros materiais de caráter crítico e da Saúde Coletiva, referentes à saúde das populações LGBT+, indígena e negra, à bioética, ao gênero e à violência. Assim como foram selecionadas produções oriundas de outras áreas de conhecimento sobre outras dimensões que compõem o contexto da pandemia do Covid-19, como as dimensões ecossistêmicas e econômicas. Como vivemos um período de muita informação o conteúdo poderá ser atualizado a partir das novas seleções.

O Módulo 3 – Coronavírus e desafios no presente e futuro tem por objetivo explorar a produção científica crítica referente às respostas públicas à pandemia, o papel do estado, da sociedade e da própria ciência e de suas dimensões epistemológicas nos desafios pós-pandemia.

Curso: Coronavírus e Iniquidades em saúde
Onde: site da Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Inscreva-se! 

Comments

comments

Deixe uma resposta