Reflexão sobre produção acadêmica em Saúde Coletiva por Mário Scheffer e Lilia Schraiber

Mário Scheffer (Comissão de Política, Planejamento e Gestão em Saúde da Abrasco) e Lilia Blima Schraiber (Fórum de Editores Saúde Coletiva da Abrasco) assinam editorial dos 20 anos da Revista Interface, no qual fazem uma reflexão sobre a produção acadêmica em Saúde Coletiva em tempos de crise e em contextos institucionais adversos.

Para os autores, que também são professores do Departamento de Medicina Preventiva da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP), a Saúde Coletiva deve revisitar a construção do pensamento crítico que a caracterizou desde sua origem. É preciso “ retomar o conceito ampliado de saúde, ater-se às questões contra-hegemônicas e culturais, entre elas as desigualdades, e voltar a articular a política com as dimensões técnico-científica” , afirmam.

No texto, Mário e Lilia também defendem que as revistas científicas do campo devem reorientar suas agendas editoriais, abrindo-se a comunidades mais diversificadas de pesquisadores, e “em interação com os movimentos sociais e debates em curso sobre projetos de futuro”.

Confira aqui o Artigo na íntegra:  Interface, vinte anos: a Saúde Coletiva em tempos difíceis

Comments

comments