CNS que aprovou a Política Nacional de Educação Popular


O Conselho Nacional de Saúde (CNS) aprovou a Política Nacional de Educação Popular no último dia 12 de julho. O documento, elaborado pela equipe do Departamento de Apoio à gestão Participativa (Dagep)e o GT Educação Popular e Saúde da ABRASCO, sob a coordenação de Odorico Monteiro, Secretário de Gestão Estratégica e Participativa do Ministério da Saúde (SGEP/MS), visa colocar as práticas populares em saúde em um plano mais amplo, de forma democrática e com participação social. Para ser implementada, a Política Nacional de Educação Popular será apresentada para pactuação na Comissão de Intergestores Tripartite (CIT), instância gestora do SUS com representantes de municípios, estados e governo federal. Além de integrantes do GT Educação Popular e Saúde, estiveram presentes representando a ABRASCO a vice-presidente Ligia Bahia e o Secretário Executivo, Carlos Silva. Mais informações  aqui.

Comments

comments