Cesar Victora ganha Prêmio Richard Doll de Epidemiologia

Pesquisador é referenciado internacionalmente | Foto: Associação Médica Brasileira

Cesar Victora, integrante da Abrasco, Professor Emérito da Universidade Federal de Pelotas (UFPel) e diretor do Centro Internacional de Equidade em Saúde foi condecorado com o Prêmio Richard Doll, uma importante homenagem concedida pela Associação Internacional de Epidemiologia (International Epidemiological Association – IEA). A cada Congresso Mundial de Epidemiologia, a IEA destaca cientistas que, através de um conjunto de pesquisas na área, contribuem para a evolução do conhecimento e a melhora na saúde das populações.

Victora é reconhecido por ter dedicado anos de trabalho e estudo nas áreas de amamentação, nutrição infantil e desigualdade na saúde. Na década de 1980 foi pioneiro nas análises sobre a importância do aleitamento materno exclusivo, e suas descobertas sobre o quanto a amamentação é essencial para a saúde dos recém nascidos contribuíram para as políticas da Organização Mundial da Saúde sobre o tema.

Outra pesquisa importante liderada pelo cientista é a Coortes de Nascimentos de Pelotas (1982, 1993, 2004 e 2015), o maior estudo do tipo na América Latina: é uma análise da saúde de todas as crianças nascidas em Pelotas (RS), desde a gestação, que busca compreender como determinados fatores – determinantes sociais ou biológicos – interferem nas condições de saúde da população. Os principais resultados das coortes estão no livro Epidemiologia da Desigualdade: quatro décadas de coortes de nascimentos, editado pela Abrasco.

Cesar Victora é um orgulho para a Abrasco, para a ciência nacional e para a Epidemiologia.

Confira o anúncio do prêmio, divulgado pela Associação Internacional de Epidemiologia, em inglês.

Comments

comments

Deixe uma resposta