Brasil completa um ano de vacinação: desafios e perspectivas para a imunização da população

Há um ano, a enfermeira enfermeira Mônica Calazans recebeu a primeira dose da vacina contra a Covid-19 no Brasil. Um ano depois, o país segue avançando na campanha de vacinação, mesmo após um início conturbado. Segundo dados do G1, pelo menos 68% da população já se encontra com o sistema vacinal completo, com 2 doses ou a vacina em dose única.

Diante desse cenário, a imprensa ouviu especialistas da Abrasco sobre desafios e perspectivas para a vacinação no país. O portal Poder 360 entrevistou o vice-presidente da Abrasco, Reinaldo Azevedo sobre a Covax Facility, iniciativa para acesso global igualitário às vacinas contra a Covid-19. No primeiro semestre deste ano, a Índia encontrou dificuldades em exportar doses para outros países devido às dificuldades que se encontrava com a variante delta.

“Não foi um fracasso total, mas foi muito prejudicada, fundamentalmente por causa da indústria farmacêutica global“, afirmou Guimarães

Participaram da matéria também os abrasquianos Guilherme Werneck e Ethel Maciel.

O portal Metrópoles fez um balanço desse primeiro ano de vacinação contra a Covid-19 ouvindo especialistas sobre o assunto. Vice-presidente da Abrasco, Claudio Maierovitch destacou a importância da vacinação para a diminuição do número de vítimas fatais da Covid-19.  “Olhando o que foi a pandemia no início de 2021, quanto mais tempo ficássemos sem vacinas, mais mortes nós teríamos”.

“Graças à vacinação, a partir da metade de 2021, começaram a diminuir as internações hospitalares, que estavam no limite, e o número de mortes diárias, conforme a população acima de 60 anos foi completando a segunda dose”, concluiu.

Comments

comments

Deixe um comentário