Projeto em Educação Popular em Saúde lança livro-arte

Movidos pelo desejo de recuperar caminhos que estão sendo abafados, como a simplicidade, a distância dos poderes, o uso renovado das palavras, a negação de clichês e de usos genéricos de conceitos, Ernande Prado, Mayara Floss, Maria Amelia Mano, Eymard Vasconcelos e Julio Wong Un – os três últimos integrantes do Grupo Temático Educação Popular em Saúde (GT EdPop/Abrasco) – criaram em 2013 o coletivo Rua Balsa das 10 e escolheram a internet como ponto de propagação. Passados quatro anos, o blog conta hoje com mais de 500 postagens e 160.000 acessos, e seus textos são utilizados em processos de formação, reflexão e sensibilização sobre outras formas de compreender, experimentar e viver a saúde. Esse manancial de ideias e beleza ganha agora versão impressa. “Estórias da Rua que foi Balsa – Trilhas e Intuições na Educação Popular em Saúde” será lançado na próxima quinta-feira, 25 de Maio, de 9 às 13 horas, no campus Praia Vermelha da Universidade Federal Fluminense, em Niterói, Rio de Janeiro.

A publicação é um livro-arte que traz uma seleção de textos, com crônicas, ensaios e poemas, do coletivo, no intuito de ampliar o acesso do material para universos fora dos domínios digitais e materializar a produção. As ilustrações são de Paula Wong e a edição é do Estúdio Guayabo, de Belo Horizonte (MG).

O lançamento terá bate papo entre os pesquisadores Armando Cypriano, Marcos Moreira e Eymard Vasconcelos, que dialogarão sobre literatura, intuição e saúde, a presença dos autores e artistas que produziram a obra e intervenções musicais.

Lançamento do livro “Estórias da Rua que foi Balsa – Trilhas e Intuições na Educação Popular em Saúde
25 de maio – quinta-feira
Das 9h às 13h
Auditório do NAB – Núcleo de Estudos em Biomassa e Gerenciamento de Água – Campus Praia Vermelha da UFF
Endereço: Rua Edmundo March, s/n Boa Viagem – Niterói – RJ

Conheça mais da obra no vídeo-divulgação

Comments

comments