Desafios e  Perspectivas sobre os Direitos Reprodutivos no Brasil e na América Latina

Direitos reprodutivos, a autonomia das mulheres sobre suas vidas e seus corpos, é pauta de discussões no âmbito da saúde pública – quando percebe-se a quantidade de mulheres mortas por abortos clandestinos, por exemplo – mas também no âmbito da educação, do judiciário e das políticas públicas. Na próxima semana, o Instituto de Medicina Social da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (IMS/UERJ), em parceria com o Centro Latino-Americano em Sexualidade e Direitos Humanos (CLAM),  recebe o seminário “Desafios e  Perspectivas sobre os Direitos Reprodutivos no Brasil e na América Latina”.

Estela Aquino, integrante do GT Gênero e Saúde da Abrasco e coordenadora do MUSA – Programa Integrado em Gênero e Saúde do Instituto de Saúde Coletiva da Universidade Federal da Bahia (ISC/UFBA), será uma das palestrantes presentes. Confira, abaixo, programação completa e inscreva-se:

 

»Inscrições 

Comments

comments

Deixe uma resposta