Programação do Abrascão 2022 já está disponível

Publicada originalmente em 1º/11/2022 – Atualizada em 18/11/2022

Está no ar a programação completa do 13°Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva – Abrascão 2022. De 21 a 24 de novembro, serão quatro dias com a oportunidade de ouvir grandes nomes do pensamento social em saúde.

No site estão distribuídas tanto as sessões curtas assincronas – que serão disponibilizadas em plataforma online – como as comunicações coordenadas, a serem apresentadas presencialmente no Congresso. Essa informação é importante para o envio das apresentações, tanto em vídeo como em PPT – Atenção ao prazo: até sexta, 4 de novembro.

Já na programação científica serão, ao todo, cerca de 200 convidadas e convidados em mesas-redondas, palestras e grandes debates, deliberados pela Comissão Científica do evento.

Os grandes debates foram entendidos como um dos espaços mais estratégicos do Congresso, tanto por congregar todos os participantes numa só atividade como por desdobrar a temática do Abrascão 2022.

“Pensamos em organizar os Grandes Debates de maneira a destacar a temática central do Congresso e aglutinando neles palestrantes que agucem o interesse dos participantes pelo Abrascão e que apontem reflexões originais, instigantes e com visão de futuro”, diz Rosana Onocko Campos, presidente da Abrasco.

O Congresso acontecerá logo após as eleições mais importantes da recente história republicana brasileira. Nesse contexto, é papel da Saúde Coletiva Brasileira contribuir com a formulação de futuro para reconstruir em novas bases o país. 

Confira abaixo as três sessões dos Grandes Debates.

Grandes Debates no Abrascão 2022
21, 22 e 23 de novembro, de 16h50 às 18h50)

Dia 21/11 : “Democracia é saúde no Brasil e no planeta terra”

Participantes:

Deisy Ventura – FSP/USP
Carolina Corcho, Ministra de Saúde e Proteção Social da Colômbia
Ernesto Báscolo, assessor dos Sistemas de Saúde da OPAS

Dia 22/11: “Diversidade e saúde: a reconstrução democrática”

Participantes:

Cacique Babau Tupinambá – (Rosivaldo Ferreira da Silva) líder indígena brasileiro
María del Rocío Sáenz – Médica e professora da Universidad de Costa Rica
Keila Simpson – Pesquisadora e presidenta da ANTRA – Associação Nacional de Travestis e Transexuais

Dia 23/11: “Equidade e justiça social: a luta continua”

Participantes:

Jurema Werneck – Diretora da Anistia Internacional
Marcia Tiburi – Filósofa e escritora
Luiz Felipe Lopez – Diretor Global de Pobreza e Equidade do Banco Mundial

Comments

comments

Deixe um comentário