Ato-show em defesa da Universidade Pública e do SUS

O Rio de Janeiro tem enfrentado uma veloz degradação de suas políticas sociais e instituições públicas, atingindo de modo agudo a Universidade do Estado do Rio de Janeiro, a UERJ e os serviços públicos de saúde.

Resistindo a esta conjuntura adversa, a Associação Brasileira de Saúde Coletiva – Abrasco – vai ocupar a UERJ com vários cursos e oficinas durante dois dias – 24 e 25 de julho, e fazer da Universidade palco principal de todas as atividades preparatórias do 12º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva – Abrascão 2018, que reunirá nos dias seguintes quase 10 mil participantes no campus central da Fundação Oswaldo Cruz – Fiocruz, em Manguinhos.

Na noite da quarta-feira, 25 de julho, um Ato-show em defesa da Universidade Pública e do SUS marcará a primeira atividade na Concha Acústica da UERJ, nomeada Marielle Franco. Este evento contará com o lançamento do documentário “SOS UERJ”, de Rafael Duarte e John John Valle e ainda com a música de Tomaz Miranda; Nina Rosa; Suzana Dal Poz; Dorina; Moyseis Marques e Orquestra Voadora. A apresentação do Ato-show será feita pelo DJ Lencinho.

Continuamos firmes na defesa da uma universidade pública, gratuita, inclusiva e comprometida com as reais necessidades de desenvolvimento econômico, social, científico e cultural do país.

A UERJ resiste! O SUS resiste! – venha se somar a esta luta.

Serviço:

Ato-show em defesa da Universidade Pública e do SUS
25 de julho, quarta-feira, de 18h às 21h
Concha Acústica Marielle Franco, na UERJ

Participação de:
Lançamento do Documentário SOS UERJ + Rafael Duarte + John John Valle
Tomaz Miranda
Nina Rosa
Suzana Dal Poz
Dorina
Moyseis Marques
Orquestra Voadora

Comments

comments

Deixe uma resposta