Abrascão 2018 debate efeitos da narratividade sobre o trabalho em saúde

“Efeitos da narratividade sobre o trabalho em saúde: a utilização de abordagens de narrativa em pesquisa e formação no SUS” foi tema de mesa-redonda realizada no segundo dia de atividades, 27 de julho, do 12º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva  – Abrascão 2018. A atividade contou com a participação da pesquisadora do Departamento de Administração e Planejamento em Saúde da ENSP, Marilene de Castilho Sá, e da pesquisadora da Universidade de Campinas (Unicamp), Rosana Onocko Campos. Confira a seguir a sessão, na íntegra, em duas partes.

Comments

comments

Deixe uma resposta