Nova Comissão de Ciências Sociais e Humanas em Saúde da Abrasco assina Termo de Posse


Os novos membros presentes na primeira reunião da nova Comissão de Ciências Sociais e Humanas em Saúde da Abrasco assinaram o termo de posse na última semana no Rio de Janeiro. Antes da assinatura, a nova coordenadora da Comissão, Tatiana Gerhardt apresentou os nomeados. Além da posse, o encontro foi para definir o plano de trabalho para o próximo triênio e ainda avaliar as atividades realizadas para o VI Congresso Brasileiro de Ciências Sociais e Humanas em Saúde, que ocorreu em novembro na UERJ. O Plano Diretor da Comissão também foi pauta da reunião, que definiu grupo de trabalho para avaliar pontos importantes do documento preliminar.

Desde 2007, com a edição do CBCSHS realizado em Salvador (BA), uma lista de critérios sobre a Comissão foi criada para ser debatida. Quatro critérios se destacaram: a garantia da diversidade regional; a abertura para representantes de várias regiões trabalhando na perspectiva de descentralização do eixo Rio/São Paulo; a garantia da interdisciplinaridade em relação à formação dos membros; a combinação de lideranças históricas, que estavam mais tempo atuando no campo com lideranças emergentes; e que a Comissão fosse composta por 15 membros.

Para a próxima edição do Congresso Brasileiro de Ciências Sociais e Humanas em Saúde, a ser realizado em 2016, a nova Comissão avaliou a criação de eventos preparatórios levando em consideração os quatro eixos descritos no Plano Diretor: Ensino, Pesquisa e Ética, Extensão e Política Institucional. A previsão é realizar simpósios, reuniões e oficinas sobre os eixos fazendo ponte com o VII CBCSHS em várias capitais, entre elas Vitória (ES), São Paulo e Goiânia (GO). O Projeto Memória, desenvolvido e produzido para o Vi CBCSHS, no Rio de Janeiro, vai ganhar magnitude itinerante e vai passear por várias cidades brasileiras.

Ainda sem local definido, o VII Congresso pode vir acontecer entre os dias 7 e 11 de setembro de 2016. Duas cidades concorrem à vaga para sediar o evento: Cuiabá (MT) e Fortaleza (CE), mas não está descartada a ideia de outra capital.

Comments

comments

Deixe uma resposta