Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva

A participação de milhares de congressistas, que inclui sanitaristas, epidemiologistas, cientistas políticos, cientistas sociais, comunicadores, especialistas em políticas públicas, profissionais e trabalhadores da saúde, gestores e técnicos da saúde, além de militantes de movimentos sociais e de entidades da sociedade civil atuantes na área da saúde, faz do Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva um dos mais importantes fóruns científicos da área em todo o mundo. Carinhosamente conhecido como Abrascão, o evento acontece a cada três anos e sedia a Assembleia Geral da entidade, que define sua nova diretoria e conselho.

Congressos Brasileiros de Saúde Coletiva:

Notícias do Congresso

Politicas públicas para redução de desigualdades sociais em saúde
  22 de agosto de 2006

George A. Kaplan, María Urbaneja Durant, Márcio Pochmann e Shiriki Kumanyika debateram o tema durante o 11º Congresso Mundial de Saúde Pública

Violência contra mulher mata mais que câncer no Rio
  22 de agosto de 2006

A comunidade da saúde coletiva tem consciência que a maioria dos males que afligem a saúde da população passa principalmente pelos estilos, situações e condições de vida.

8º Abrascão debate as prioridades do setor de saúde
  22 de agosto de 2006

Durante o debate os palestrantes mostraram os resultados de pesquisas em saúde em países em desenvolvimento, revelando deficiências e prioridades.

Michael Marmot fala sobre determinantes sociais da saúde no 8º Abrascão
  22 de agosto de 2006

Michael Marmot é diretor da Comissão sobre Determinantes Sociais da Saúde da Organização Mundial de Saúde.

Ação global e determinantes sociais de saúde são temas de conferência do 8º Abrascão
  21 de agosto de 2006

Marmot mostrou em sua explanação o resultado de um recente estudo sobre as principais causas de mortalidade entre adultos.